Resenha: Bridesmaid, Jane Costello

Evie Hart tem 27 anos, nunca teve um relacionamento realmente sério (e duradouro) e será dama de honra de grande parte de suas amigas (e também de sua mãe). Ela nunca se apaixonou de verdade e, na verdade, tem muito medo de se relacionar com alguém. No casamento de dua melhor amiga Grace, Evie parece estar desempenhando bem seu papel de dama de honra, acalmando os nervos da noiva, até passar um momento constrangedor com o cara mais lindo que ela já viu na vida, simplesmente.

Estava andando na livraria quando vejo esse livro na estante, um achado. Nunca tinha ouvido falar na autora, não vi a editora falando nada sobre o lançamento dele, mas achei a capa linda e adoro um bom chick-lit. Nem demorei muito pra pegá-lo pra ler, tamanha era a curiosidade. E não é que esse livro tenha algum problema, ele simplesmente… não tem nada de mais.

A linguagem é simples, a narrativa é boa, o enredo é interessante e tem partes bem engraçadas, coisas bem típicas de chick-lit, mas faltou algo. Um ponto alto, uma grande reviravolta ou um personagem realmente cativante. É tudo no mesmo nível, acabou ficando morno. O humor da Evie é, algumas vezes, bem sarcástico e rende boas risadas, a Valentina é uma bitch completa, mas de algum modo ela está entre as amigas da Evie, o que não interfere tanto na história, e a mãe dela é a personagem mais nonsense do livro (e de outros livros, também).

Acho que o que me incomodou de verdade é que o desenvolvimento da história se dá porque a Evie não é completamente honesta com o cara que ela acha que quer. Pra mim não fez muito sentido ela não falar sobre o medo de relacionamentos dela pra ele, os motivos dela não me convenceram. Até lembro do exato momento na leitura em que ela começa com isso, eu larguei o livro e só fui ler de novo no outro dia.

É um chick-lit despretensioso e engraçado. Recomendo a leitura apesar dos meus pontos negativos, porque são pontos que me enervam muito, mas você pode não ligar pra eles e aproveitar melhor a leitura. No mínimo, você se divertirá com a mãe da Evie.

Livro: Damas de Honra

Autora: Jane Costello

Lançamento: 2012

Editora: Record

Links: Skoob

Classificação: 

No TweetBacks yet. (Be the first to Tweet this post)

4 Comentários em Resenha: Bridesmaid, Jane Costello

  1. A resenha desse livro me lembrou que eu quero ler “Eu pego esse homem” acho que porque os dois são sobre casamento e são ilustrações nas capas.
    “Damas de Honra” não me interessou muito, acho que precisaria de algo muito engraçado ou dramático. Algo assim.
    bj
    Debyh recently posted..Olhe pra mim

    [Responder]

  2. Nossa esse livro é muito fofo começa pela capa, depois pela história e pelos personagens.Me fez lembrar de Vestida Para Casar. Muito fofo o chick-lit,com uma leitura leve,alegre e divertida.

    [Responder]

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


CommentLuv badge