Resenha: Truly, Madly, Yours, Rachel Gibson

Delaney volta para Truly depois de muito tempo vivendo em liberdade por causa da morte de seu padrasto e acaba percebendo que, mesmo depois de morto, ele quer mostrar a ela o caminho a ser seguido. Nick também acaba percebendo isso, mesmo que seu pai não tenha dado a mínima para ele enquanto estava vivo. O que Delaney e Nick ainda não perceberam foram os diversos mal entendidos que permeiam as vidas deles — desde muito tempo atrás.

Adoro as histórias da Rachel Gibson. Ela sabe dosar muito bem romance, drama e ótimos personagens. As histórias são meio clichês porque você bate o olho na sinopse e já sabe como vai terminar. Mas o que importa nos livros da Gibson não é como eles terminam, e sim como eles se desenvolvem. É sempre uma delícia ler trejeitos, mal entendidos e cenas hots dos casais que a autora cria.

Esse não é o livro da Rachel com o melhor contexto, mas com certeza o Nick tá entre os top 10 melhores personagens masculinos. A química dos dois é muito boa, as cenas hot são super ótimas. A provocação durante todo o livro é incrível, deliciosa. Ele é delicioso, hahah! Eu senti falta de mais aprofundamento da parte dele, acho que o passado dele poderia ser melhor aproveitado. Mas como a perspectiva da Delaney é a principal, a dele deixa a desejar um pouco.

A Delaney também é bem legal, mas ela me tirou muito do sério por se importar demais — demais mesmo! — com a opinião das pessoas. Qualquer rumor e qualquer olhar meio errado ela já para tudo e já se fecha e já surta completamente, e eu odeio isso. Pra mim é como se a opinião dela mesma não valesse de nada e, bitch please, eu sou totalmente contra isso. No fim do livro ela fica uma apaixonada total, e eu acho que essa “transição” foi muito rápida, já que antes ela era toda “liberdade total” e ela passou de total negação pra total admissão. Mas pra mim isso não fez com que a história ficasse ruim, só achei que faltou algo mais.

O que quase fez a história ficar ruim foi a tradução e a revisão — tirei uma estrela da classificação por isso (a história ainda é cinco estrelas!). Não sei se ficou melhor ou pior do que nos outros dois livros da Gibson lançados aqui pela mesma editora, mas não tá boa. Vários erros de digitação e ortografia, várias traduções ao pé da letra, várias partes que parecem que foram cortadas e que acabaram confusas… Tá bem tenso mesmo. As histórias da Rachel Gibson são incríveis e mereciam um tratamento melhor. Se você não lê em inglês e quer ler um ótimo chick-lit, respire fundo, releve os erros e aproveite a história, super vale a pena!

Livro: Loucamente Sua

Autora: Rachel Gibson

Lançamento: 2012

Editora: Jardim dos Livros

Links:Skoob

Classificação:

Exemplar cedido pela editora em parceria com a Revista Innovative! Obrigada!

No TweetBacks yet. (Be the first to Tweet this post)

3 Comentários em Resenha: Truly, Madly, Yours, Rachel Gibson

  1. Já li umas duas resenhas e o livro me interessou. Acho que tanto pelo Nick quanto pela Delaney. Entrou na lista (aliás comprei ‘Do Seu Lado’ esses dias, vou começar a ler em breve *-*). O livro é em 1ª pessoa?
    Debyh recently posted..Amor e Ódio

    [Responder]

    Mariana Paixão
    Twitter: marypaixao

    Depois me conta o que achou sobre Do Seu Lado! ^^
    E o Loucamente Sua é em terceira pessoa! :)

    [Responder]

  2. Ei,Mary,me tira uma dúvida?Esse livro contém cenas hots,ou é tipo 50 tons de cinza?
    Jully recently posted..Para você,com todo meu desprezo.

    [Responder]

    Mariana Paixão
    Twitter: marypaixao

    Hm.. As cenas hot dele são mais de provocação, não tem muita coisa ~extremamente~ forte.
    Pra cenas realmente hots em romance adulto contemporâneo, recomendo Jaci Burton *-*
    Aliás, recomendo até a própria Rachel Gibson mesmo, mas em outros livros, tipo Simply Irresistible, que ainda não foi lançado aqui no Brasil.

    [Responder]

    Jully

    Na verdade na minha opinião,quanto menos cenas hot,melhor!Por que tipo,eu só tenho 15 anos,imagina se minha mãe fosse ler o livro?(ela gosta de ficar olhando minhas leituras)Ela nunca mais ia me deixar ler um livro do mesmo autor!
    Jully recently posted..Para você,com todo meu desprezo.

    [Responder]

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


CommentLuv badge