Resenha: The Perks of Being a Wallflower, Stephen Chbosky

Charlie é um adolescente que escreve para um amigo cartas contando sobre seus dias, sua vida, seus medos e suas esperanças. Contando alguns acontecimentos de sua vida e o que sente sobre eles, Charlie se expõe para seu amigo leitor de uma forma simples e intensa. Ao escrever, Charlie consegue, pouco a pouco, superar seus medos e descobrir novos sentimentos.

Não consigo falar muito bem desse livro. Nada do que eu falo parece chegar realmente ao que ele é e ao que ele me passou. Charlie é um dos melhores personagens que eu já li sobre. Ingênuo, intenso, cativante. Ele é um adolescente começando a amadurecer, então todas as experiências dele são, ao mesmo tempo, singelas e conflituosas. O livro inteiro é um processo de descobertas, faz o Charlie ir mudando progressivamente, crescendo a cada página, descobrindo seu próprio jeito. E, como leitores, acabamos participando disso e crescendo junto, também.

Charlie lê muitos livros e escuta muitas músicas. Faz relatórios sobre os livros lidos para o seu professor e grava mixtapes com suas músicas preferidas que tocam no rádio. Ele se descobre um pouco nesses livros e nessas músicas, e com seu jeito inocente de ser ele consegue ver seu mundo e esses mundos de um jeito singular. Esse aspecto dele (da inocência) dá um tom totalmente diferente à história, porque as observações dele são tão diferentes do que provavelmente um adolescente atual observaria, e mesmo assim a identificação com a história acontece naturalmente.

Pra mim, esse livro deveria ser leitura escolar. Mas não somente isso. Deveria ser um livro que todos os adolescentes deveriam ler no começo de sua juventude (com certeza eles iriam querer novamente depois, ao ficarem mais velhos). As reflexões que Charlie faz sobre sua vida, seus amigos, seus momentos e sentimentos são algo que definitivamente ajudaria aos que passam pelos mesmos receios e pelas mesmas experiências a entender melhor seus momentos.

O filme sairá em breve, com a Emma Watson fazendo a Sam (veja o trailer e veja o pôster), e quem sabe a Rocco relance o livro com a capa do filme. Eu li em inglês pelo kindle e queria muito uma edição com a Emma, o Logan e  oEzra S2.

Livro: As Vantagens de Ser Invisível

Autor: Stephen Chbosky

Lançamento: 1999

Editora: MTV Books (Rocco, no BR)

Links: Skoob

Classificação: 

No TweetBacks yet. (Be the first to Tweet this post)

3 Comentários em Resenha: The Perks of Being a Wallflower, Stephen Chbosky

  1. Só fui conhecer esse livro quando minha amiga me mostrou há algumas semanas, e fui procurar resenhas dele… Me encantei!
    Acho que nunca estive tão animada pra ler um livro como para esse haha *-*
    Mas enfim, ótima resenha… pelo que eu li sou um pouco parecida com o Charlie haha

    xoxo

    [Responder]

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


CommentLuv badge