Resenha: Além das Fronteiras, Carol Freire

Aos 22 anos, Luna decide viver com seu namorado Vítor na Califórnia. Os dois começam a viver no alojamento da universidade, tentando melhorar de vida a cada dia e vivendo como dá no momento. Com o passar dos anos, Vítor consegue um bom emprego e Luna tenta continuar sua carreira publicitária, mas as diferenças culturais são grandes. Como se não bastasse as diferenças culturais americanas e brasileiras, Vítor é chamado para trabalhar na China, e Luna é confrontada com diferenças ainda maiores e mais complicadas. A saudade do Brasil e de sua família é sempre intensa, mas ela se vê sem rumo e sem saber o que realmente é melhor pra vida dela.

A Carol Freire é brasileira, mora nos EUA e está aqui no Brasil lançando seu livro. Publicado pela Cultural Exchange Books – se eu entendi direito, uma editora americana que publica livros em português -, acredito que Além das Fronteiras traz muito da própria experiência da autora.

Luna e Vítor são dois aventureiros, gostam muito de viajar e escalar, e acabam dando certo como um casal. Além do Brasil e de São Francisco, a história deles também se passa na China e seus trabalhos envolvem muitas viagens. Luna passa por diversos países, tanto a trabalho quanto a lazer, e acaba se sentindo sem raízes, sem saber realmente de onde é. Essa situação só se complica com o passar dos anos e dos lugares; cada vez mais Luna se sente deslocada, às vezes até com sua vida se despedaçando.

Eu gostei muito da história da Luna, de suas tentativas de se encontrar. A única coisa que eu não gostei foi a narrativa rápida – e que, de acordo com a contracapa, é uma característica dos livros americanos – e da falta de detalhes. Todos os acontecimentos são narrados rapidamente, não há aprofundamento dos contextos e dos personagens secundários. A própria Luna não é tão bem aprofundada, pois senti falta de uma explicação maior sobre todas as suas decisões e dúvidas. Como é algo característico e constante durante toda a história, é mais uma preferência pessoal mesmo. O desenvolvimento da história em si é bem interessante.

Pra quem é de São Paulo, vai ter lançamento do livro com a Carol na Livraria Cultura do Conjunto Nacional, amanhã (sexta, 27) às 18h30. Veja o convite aqui. E pra quem se interessou pelo livro, tem promoção logo aí embaixo!

Livro: Além das Fronteiras

Autora: Carol Freire

Lançamento: 2012

Editora: Cultural Exchange Books

Links:Skoob

Classificação:

a Rafflecopter giveaway

Para participar da promoção, comente neste post respondendo à pergunta do rafflecopter. Você pode ter mais chances seguindo o blog e a autora no twitter e twittando sobre a promoção! A promoção vai até o dia 26 de agosto (depois de eu voltar da Bienal!). Boa sorte a todos!

No TweetBacks yet. (Be the first to Tweet this post)

13 Comentários em Resenha: Além das Fronteiras, Carol Freire

  1. Se você pudesse morar em qualquer lugar do mundo, onde seria?

    R: Helsinki, Finlândia, pq é o lugar mais fofo deste mundo!!

    Achei o livro bem interessante pq como quero mto viajar e ainda não posso viajo junto com os livros por aí hehehe! Boa Resenha!

    Miquilisssss

    [Responder]

  2. Acredite se quiser, mas eu continuaria morando exatamente no mesmo lugar que eu moro.
    Eu adoro morar em São Paulo, é um lugar que tem absolutamente tudo. É rico em cultura, apesar de muitas pessoas não saberem disso, atinge qualquer tipo de expectativa.
    Atrai pessoas de todos os lugares do mundo e apresenta pessoas de praticamente todos os estilos.
    São Paulo tem um pouquinho de cada lugar do mundo e é aqui que eu gosto e quero morar para sempre. *-*
    Juliana Lima Oliveira recently posted..Um amor, um verão, e o milagre da vida – Isa Colli

    [Responder]

  3. Nyaa gostei mt da resenha ^^, ainda mais pq a historia se desenrola em um país asiatico ♥
    acho q tbm acharia um pouco estranho essa narrativa americana mas quero mt comprovar isso lendo o livro hehe
    Há sobre a pergunta se pudesse escolher onde morar, acredito q seria ou na Coreia do Sul ou no Japão ♥ lá com toda certeza iria encontrar meu gatinho de olhos puxados ^^

    [Responder]

  4. Achei super interessante esse livro, ele vai destacar bem a questão das origens, estar com a pessoa amada, familia e tudo mais. a unica parte que me desanimou foi essa coisa de narratica americana, não se aprofundando na caracteristicas dos personagens e detalhes ao desenvolver do livro!
    Quanto o lugar onde gostaria de morar não tenho nenhum especifico, mais desde que sempre esteja bem acompanhada!
    Beijos :*

    [Responder]

  5. Difícil dizer onde eu gostaria de morar, pois pra mim o mais importante é estar perto das pessoas que eu amo, no meu caso, João Pessoa/PB, minha cidade natal e onde cresci…além disso, é quente o ano inteiro, do jeito que eu gosto!
    Enfim, acho que não tenho vontade de morar em nenhum outro lugar, a não ser que fosse por pouco tempo, aí seria legal morar um tempo na Europa…Londres, quem sabe!?

    [Responder]

  6. Gostei da sinopse desse livro. Eu sempre tenho uma queda por livros com personagens que moram em determinado país e vão ter que morar em outro, porque a medida que eles vão se ambientando à nova cultura, ao novo lugar, vc vai tbm.

    [Responder]

    Pâmela Tavares
    Twitter: pamelaynee

    Esqueci de responder… Eu moraria no Canadá! 😉

    [Responder]

  7. Londres! Apesar dos problemas da cidade – e qual cidade não tem? -, sou apaixonada por ela desde criança. Motivo principal? Harry Potter, rs. Além disso, Londres possui ótimos pontos turísticos, é linda, tem neve (*o*), um excelente sistema de saúde pública (Olimpíada é cultura) e… ah, são tantos motivos! Já fiquei com vontade de ir para lá!

    [Responder]

  8. Se você pudesse morar em qualquer lugar do mundo, onde seria?

    Moraria na Austrália…. tem país mais diversificado que a Austrália? Não! Na parte norte faz muiito calor, com praias e cangurus (que bichinhos lindos!!!!).. e na parte sul, tem neve e pinguins (outros bichinhos super fofos).

    [Responder]

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


CommentLuv badge