Retrospectiva Junho/2012

Tive a impressão de que poderia ter lido mais, mas li uma quantidade boa!

  1. Travessia, da Ally Condie 
  2. Por Isso a Gente Acabou, do Daniel Handler 
  3. O Amor nos Tempos do Blog, do Vinicius Campos 
  4. Do Seu Lado, da Fernanda Saads 
  5. Amante Meu, da J.R. Ward 
  6. The Perks of Being a Wallflower, do Stephen Chbosky 
  7. The Fault in Our Stars, do John Green 
  8. Codinome Cassandra, da Meg Cabot 

Favorito do mês: Por isso a gente acabou

Esse mês me fez pensar bastante nas classificações que eu dou para os livros. Como vocês podem ver, classifiquei cinco livros com cinco estrelas, mas eles tem “pesos” diferentes pra mim. Por exemplo, Por isso a gente acabou levou cinco estrelas e ficou entre os favoritos. Do seu lado e Amante Meu também levaram cinco estrelas, mas não têm a narrativa incrível do Daniel Handler. Sem falar que eu adorei esses dois por motivos totalmente diferentes: o primeiro me ganhou por ser tão próximo do que eu já tive e ainda tenho em meus relacionamentos; o segundo, por ser tão distante e fantasioso. Aí depois tem The perks of being a wallflower e TFIoS, dois livros que me ganharam por suas intensidades, ingenuidades, que me emocionaram em pequenos gestos. E Codinome Cassandra também ganhou cinco estrelas, mas não chega aos pés dos outros. Mas é daquele tipo de livro que você se diverte em todas as páginas e lê de uma vez só e que a história e a protagonista combinam. Pelas estrelas apenas não dá pra dizer quão o livro significou pra mim. Mas espero que ajude.

Resenhas do mês:

  1. A Última Princesa, do Fábio Yabu
  2. The Selection, da Kiera Cass [em breve pela Cia. das Letras/Seguinte]
  3. Will Grayson, Will Grayson, do John Green e David Levithan
  4. I’ve Got Your Number, da Sophie Kinsella [em breve pela Record]
  5. Sete Minutos no Paraíso, da Rafaella Vieira
  6. Stuck with You, da Trish Jensen
  7. Overprotected, da Jennifer Laurens
No TweetBacks yet. (Be the first to Tweet this post)

1 Comentário em Retrospectiva Junho/2012

  1. Acho que eu não vou falar sobre os livros que li em junho, porque eu chego até a ter vergonha da quantidade absurda… Daí, eu começo a pensar que em agosto a correria volta e… Ai, que medo de não conseguir ler muito esse ano! =O
    E isso que você falou sobre a sua classificação, eu sempre fico me perguntando quais são os meus critérios, porque além de que contar a narrativa e o desenvolvimento, não tem como deixar de fora tudo aquilo que você sentiu durante a leitura! Tem livro que merecia totalmente uma nota 5, mas quando você pensar no desenrolar das coisas, ele perde alguns décimos e depois você fica com aquela sensação de que deu muito pouco ao livro! =O
    Quer dizer, isso só acontece comigo? oO’

    Beeijo! /3

    [Responder]

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


CommentLuv badge