Resenha: Glimmerglass – Jenna Black

Dana Hathaway decide fugir da casa de sua mãe para encontrar seu pai por causa dos diversos problemas que o alcoolismo de sua mãe a fazia suportar. Apesar de não saber exatamente porque eles se separaram, algumas informações básicas como o nome do pai e o lugar onde ele vive foram o bastante para fazer um contato e ir ao encontro dele. O que Dana não esperava é que seu pai estivesse tão envolvido na política de sua cidade, e que isso bastava para ela mesma ser alvo de seus concorrentes políticos. E o que ninguém esperava era que Dana fosse uma criatura diferente de todas as outras – afinal, seu pai vive em Avalon, o lugar onde realidade e magia convivem juntas, ou seja, a maioria é diferente dos humanos normais. E isso só complica a já complicada vida de Dana na cidade.

Primeiro eu preciso falar da capa desse livro: uma das capas mais bonitas que eu já vi! E não só eu; todo mundo aqui em casa elogiou a capa! MUITO linda! Ok, continuando! Esse foi o meu… segundo livros sobre fadas e esse é um mundo que eu acho fantástico! A organização, as características, as personalidades das fadas são coisas bem peculiares, bem diferentes do que estamos acostumados! Uma coisa que eu acho muito interessante (e que eu não sei porque acontece) é que todos os livros de fadas fazem referência às Cortes Seelie e Unseelie. Alguém sabe o porquê?

A história é contada em primeira pessoa pela Dana, e eu a achei uma personagem muito boa! Ela é bem forte, ela se preocupa com coisas… práticas, por assim dizer, ela sabe lidar bem com os problemas e as situações (às vezes ela se mantém focada, às vezes ela simplesmente desaba, gosto bastante disso!) e apesar de ela ser um pouco indecisa em certas situações, achei bastante reais e interessantes as atitudes dela. Os outros personagens parecem sempre ter algo a esconder, sempre com atitudes suspeitas, o que não me fez desgostar deles. Alguns personagens que só aparecem depois da metade do livro parecem ter uma grande importância nos próximos livros – o gancho do fim é muito bom -, me deixou bastante ansiosa para ler o resto da série!

A série tem três livros – acho que é uma trilogia mesmo, mas não tenho certeza – e uma side story (Remedial Magic), com as capas uma mais linda que a outra! A Universo dos Livros fez um trabalho bem legal, e espero que continue assim com os outros livros da série!

Livro: Glimmerglass – O Encontro de Dois Mundos

Série: Faeriewalker #1

Autora: Jenna Black

Lançamento: 2011

Editora: Universo dos Livros

Links: Skoob

Compre: Cultura | Saraiva | Submarino

No TweetBacks yet. (Be the first to Tweet this post)

8 Comentários em Resenha: Glimmerglass – Jenna Black

  1. Oi Mary, eu adorei esse livro, tbm gosto bastante dessa temática de fadas, é o primeiro livro q eu leio desse assunto e super aprovei. Fiquei muito ansiosa para ler os próximos dois livro, tbm não sei se é uma trilogia, mas já tem 3 livro publicados nos EUA. E realmente as capas são uma mais linda q a outro. Eu quero !!! rss
    Agora só resta esperar pelos próximos.
    Bjos

    [Responder]

  2. Primeiramente, “uma das capas mais bonitas que eu já vi!” [2]. Eu acho que ate disse isso na tua IMM. Mas o legal foi ler a resenha e ver que a historia é legal, eu ainda não sei se essa literatura fantastica me agrada, ainda nao consegui me decidir (so lendo pra saber ne?)mas gostei da tematica de fadas e um lado que achei que talvez se aproxime da nossa realidade que sao problemas familiares. Alem disso, uma boa serie pra mim aacaba naaaquele ponto que voce fica WTF heuheuehuehuehuehue e pelo que você disse deu a entender que é meio assim então, coloquei na minha lista 😀

    [Responder]

  3. Confesso que não sou muito chegada à histórias de fadas, mas estou muito curiosa pra ler Glimmerglass. Isso de “encontro de dois mundo” me chamou muita atenção e quero ver como isso é retratado no livro.
    Realmente essa capa é maravilhosa! Já tive a oportunidade de tê-la nas mãos e é realmente apaixonante. Sou só eu que acha que a menina na capa lembra a Kristen Stewart? HAHA
    Adorei a resenha, parabéns!

    Beijão ♥
    Priscilla Duhau
    Livrificando

    [Responder]

  4. Desde que vi esse li pela primeira vez fiquei com muita vontade de ler. A capa é mesmo muito bonita, imagino como deve ser ver o livro de perto!
    Ainda não li nenhum livro sobre fadas, por isso mesmo tenho muita curiosidade para ver como o universo das fadas é retratado em Glimmerglass.
    Pelo jeito o livro é muito bom e a personagem principal é bem legal. Quero muito ler esse livro por causa do tema mesmo, acho que ler sobre fadas vai ser muito interessante.
    As capas dos outros livros da série são lindas também, espero que a editora também lance os outros livros com capas iguais as originais.
    Já estava ansiosa para ler Glimmerglass, agora estou ainda mais! =D

    [Responder]

  5. Eu AMO a série The Iron Fey, que é sobre mitologia faery tbm. Mas por gostar tanto, acho que não queria outra história sobre o mesmo assunto “disputando lugar” na minha cabeça. Mas aí veio esse livro, com essa capa lin-da e eu não resisti, comprei.
    Minha amiga já leu e disse que ODIOU a personagem princial. Aí leio sua resenha e vejo que vc amou a menina. ahahahah Adoro quando um monte de gente tem opiniões divergentes sobre a mesma história, dá mais vontade ainda de ler logo e criar a minha própria. :B
    E não sei o pq dessas cortes serem chamadas de Seelie e Unseelie. Na verdade eu acho que já li por auto a explicaçõ uma vez, mas não foi algo que ficou na minha mente a ponto de eu lembrar agora. hahahahaha Em The Iron Fey a Julie Kagawa tbm usa Cortes Summer e Winter, aí tbm não sei a explicação, mas dá pra imaginar melhor. haha

    [Responder]

  6. Nossa, eu acho essa capa muito linda, parece que até agora todo mundo gostou pelo menos um pouco desse livro, estou super ansiosa pra ler!

    @Jennifer13d

    [Responder]

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


CommentLuv badge