Paixão por Mangás #14

Akuma to Love Song, da Miyoshi Tomouri. Eu falei semana passada desse mangá, na mini-lista de ‘mangás que eu queria que fossem publicados aqui no Brasil’. Como nessa coluna eu já falei de dois mangás que já foram publicados aqui (Fruits Basket e Hoshi no Koe), decidi falar de um que ainda não chegou por aqui.

Akuma to Love Song (literalmente, O Demônio e a Canção de Amor) conta a história de Kawai Maria, uma garota que é expulsa do melhor colégio da cidade, o St. Katria Girls’ School, e é transferida para o Touzuka High School, um colégio público com uma média bem baixa. A razão para a expulsão de Kawai é por ela ter socado um professor, e o fato de ela não usar de meias palavras e não deixar de falar o que pensa para qualquer um não deixa dúvidas que ela seria capaz de fazer algo desse tipo.

O primeiro motivo pra eu gostar tanto desse mangá é que ele é imprevisível, até porque não é apenas uma historinha boba de amor. Logo no começo você vai descobrindo que a Kawai tem muitos medos e muitos problemas consigo mesma, e no decorrer da história ela vai se descobrindo aos poucos, vai descobrindo novos sentimentos e vai tentando se encaixar sem ter que deixar de ser ela mesma pra isso. Ela não é, pelo menos de algumas maneiras, tão ingênua quanto as personagens de mangás shoujos normalmente são. Ela sofre bastante por causa da personalidade dela, mas nem por isso ela fica se lamentando pelos cantos; ela tenta ganhar forças pra superar os problemas da melhor maneira possível.

“Kawai Maria makes you notice those things that you didn’t want to look at before. She is like a devil whom you can’t stray your eyes away from anymore.” ——— “Kawai Maria faz você perceber aquelas coisas que você não queria notar antes. Ela é como um demônio do qual você não consegue mais desviar os olhos.”

O segundo motivo é a profundidade do mangá (na verdade não sei se essa é a palavra exata, mas enfim). Não é aquele tipo de mangá que você lê em alguns minutos e no outro dia já esquece e não tem nada que você possa dizer “nooossa, aquela parte me tocou bastante!”; Nesse mangá parece que todos os personagens escondem algum lado da personalidade deles, que é mais do que só a superficialidade aparente. Não sei se isso é ‘profundidade’ realmente, mas acho que eu caracterizo assim por causa do comportamento fechado (e que vai mudando aos poucos) dos personagens. E cada personalidade parece que adiciona um valor a mais pra os outros personagens que convivem junto. É bem mais realista do que o que é normalmente apresentado em mangás shoujo (que são bem mais idealizados).

O terceiro motivo é o traço, que é simplesmente lindo! E engraçado, às vezes! Os detalhes dos olhos, das roupas e dos acessórios são os meus preferidos! Se vocês lerem, conhecerão Augustine *_* (leiam, leiam, leiam)!! É um mangá shoujo, mas trata de amizade, desejo de se identificar, força de vontade e relacionamentos em geral, incluindo romance, lógico!

Mangá: Akuma to Love Song

Volumes: 13

Autora: Miyoshi Tomouri

Links: Ler on-line em inglês

Compre: em japonês, pelo ebay

No TweetBacks yet. (Be the first to Tweet this post)

10 Comentários em Paixão por Mangás #14

  1. Shoujo era meu estilo favorito quando era mais novinha e ingressei no mundo do anime/mangá. Lembro que em Recife só tinha uma loja que dava para conseguir comprar alguma coisa decente (não sei se ainda existe…)
    Agora os meus favoritos são os mangás de temas adultos e de ficção científica. Mas fico feliz em relembrar do estilo shoujo de vez em quando… valeu o post. bjs

    [Responder]

  2. Ah, essa semana li meu primeiro mangá: Ouran High School #16 (ignore eu começar pelo primeiro, ok? Era emprestado e minha coleha só tinha esse :P)

    P.S.: Você sabe onde posso achar o download dos mangás? Achei VÁAAARIOS do anime, mas minha colega (a mesma do #16) vai me passar. Obrigado desde já.

    P.S.²: Se tiver de FullMetal Alchimest também aceito 😉

    E como acabei o #16 em um dia (ignore, eu demorei a pegar o espírito da coisa), já emprestei três columes de Tsubasa, mas ainda não comecei.
    Espero ser bom.

    Abraços e pode mandar mais dicas de mangás!

    Felipe Saraiva,
    http://bibliotecafelipes.blogspot.com/

    [Responder]

    Felipe Saraiva

    O que eu realmente queria dizer é: ‘Ignore eu NÃO começar pelo primeiro, ok?’, super fail, sorry.

    [Responder]

    Danny
    Twitter: Danny_Demarchi

    O primeiro mangá que eu li na vida foi o volume 19 de FullMetal Alchemist, foi o primeiro mangá da minha coleção! Acho que você não é o único que não começa pelo primeiro! XD

    [Responder]

    Danny
    Twitter: Danny_Demarchi

    Felipe, o mangá Ouran High School Host Club eu não sei se está disponível para download em algum lugar. Mas FullMetal Alchimest tem nesses links:
    Para ler online:
    http://mangalog.com.br/fullmetal-alchemist-%E2%80%93-manga-online-%E2%80%93-capitulos-online.html
    Para fazer download:
    http://anime-centerbr.forumeiros.com/t65-downloadmanga-full-metal-alchemist
    Lista de outros mangás para ler online:
    http://mangalog.com.br/lista-de-mangas

    Obs: FullMetal Alchemist é muito bom! Meu título favorito!
    Obs2: Comecei a ler a Ouran High School Host Club pelo volume 15 (fiz isso porque já tinha visto o anime, mas pretendo ler todos os volumes em breve! =D)!

    Espero ter ajudado! *__*

    [Responder]

    Felipe Saraiva

    Oi, Danny.

    É realmente bem difícil alguém começar um mangá pela primeira edição. hahaha

    Ah, MUITÍSSIMO obrigado pelos links. 😀

    Já comecei a ler FMA! Mil vivas 😀

    Bem, irei continuar procurando links de OHG, se não… só comprando pela net (não vou sem procurar em bancas, porque tenho absoluta certeza que não tem aqui). 😛
    E o frete pra cá sai tão carinho (praticamente 40). :(
    #ChoraLitros
    Mas, o que a gente não faz por um vício hein?hahaha

    P.S.: Sim, to ficando viciadão em mangás. #SeusMals

    Felipe Saraiva,
    http://www.bibliotecafelipes.blogspot.com/

    [Responder]

    Danny
    Twitter: Danny_Demarchi

    Fico feliz de ter ajudado!
    Que bom que você já começou a ler FMA, é muito bom e é viciante também!
    Bem vindo ao mundo dos viciados em mangás! =DD

    P.S.: Acho que para ler Ouran só comprando os volumes pela internet mesmo, nas Bancas da minha cidade também não tem mais nada, pena que o frete das lojas virtuais sempre atrapalha…

    [Responder]

  3. Adoro mangás shoujo, por isso acho que também vou gostar desse!
    Fiquei imaginando se a editora que lançar esse mangá no Brasil (estou torcendo para que isso aconteça! =D) vai traduzir ou não o título do mangá.
    Acho meio difícil lançarem no Brasil um mangá com o título “O Demônio e a Canção de Amor”, tenho quase certeza de que vão manter o título original.
    A personagem principal do mangá parece ter uma personalidade bem forte, né? Ela deve ser bem legal!
    Gosto dos mangás onde as personagens são um pouco misteriosas e têm personalidades bem diferentes, acho que vou gostar desse mangá!
    O traço também é muito bonito (a primeira imagem não abriu aqui, por que será?), pelas imagens que apareceram pude ver que o traço é lindo mesmo.
    Falando em mangás, você ficou sabendo que parece que a editora JBC vai lançar Bakuman em breve? Não sei se esse mangá é muito seu estilo, mas é um dos títulos que eu mais queria que fosse lançado no Brasil, então fiquei bem feliz quando vi a notícia.

    [Responder]

    Danny
    Twitter: Danny_Demarchi

    Agora a primeira imagem abriu! Era a capa do mangá que você tinha postado na outra vez! Muito bonita essa capa, fico imaginando como vai ser legal se esse mangá for lançado no Brasil com essa capa linda!

    [Responder]

  4. Oh já ouvi falar muito bem desse mangá 😀 Parece ser bom mesmo. E haha, o nome dela é “Kawai”, que kawaii :3 *se mata*
    Ah Mary, tem meme lá no blog pra você!
    Bisous

    [Responder]

  5. Parece ser um mangá bem interessante e diferente da maioria dos shoujos =D
    E, realmente, o traço parece ser lindo.

    [Responder]

    Danny
    Twitter: Danny_Demarchi

    Verdade, esse parece ser um shoujo bem diferente e o traço parece ser lindo mesmo, queria que fosse lançado aqui!

    [Responder]

  6. Comecei a ler Akuma to Love Song e por problema de tempo mesmo acabei parando, mas sabe que lendo este post me deu vontade de retomar a leitura? (tô saindo daqui agora mesmo pra ver o scan hihi)

    Por que não trazem mangás como esse pra gente? Falta publicações shoujo no Brasil, nós também curtimos e compramos mangá.

    Essa é minha coluna preferida no seu blog!

    Bjs :)

    [Responder]

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*


CommentLuv badge